terça-feira, março 18, 2008

 

Destaque 3

Afinal câmaras de filmar são Ilegais!

Na sequência do nosso artigo sobre as Câmaras de filmar colocadas em alguns locais de Montalegre, recebemos este comunicado do PSD Montalegre, e documentos, que explicam que afinal as câmaras são ilegais.
"As câmaras de videovigilância montadas pela Câmara Municipal nas rotundas das duas principais entradas / saídas da Vila de Montalegre, estão em situação ilegal, pelo que não podem ser utilizadas, conforme se conclui da resposta dada pelo Presidente da Câmara a um requerimento (ver ao lado) apresentado pelos Vereadores do Partido Social Democrata.
Mais uma vez, "o carro andou à frente dos bois". Já se gastou o dinheiro e não é pouco (ver ao lado), não se sabendo se algum dia haverá justificação aceitável para que sejam aprovadas.
Estrategicamente, os locais escolhidos permitem controlar todos os passos que os munícipes dão, uma vez que quase todos os que entram ou saem da Vila, têm de passar por aqueles locais. Perdemos a nossa privacidade e o direito de nos deslocarmos para onde queremos sem ter de dar satisfações a ninguém. Não estamos mais protegidos mas encontrámo-nos constantemente vigiados.
A desculpa de protecção do vandalismo contra as bandeiras no Verão é descabida, sem qualquer força de razão. Havendo pelo menos nove rotundas onde são colocadas bandeiras no Verão, porque é que só estas têm videovigilância?
Para além disso, temos o valor do investimento nas câmaras de "filmar" que é proibitivo (mais de 20 mil euros), sendo preferível perder algumas bandeiras e, mesmo assim, teríamos que as perder todas e durante muitos anos para justificar o dinheiro mal gasto neste investimento.
Mais grave ainda, é o facto do Senhor Presidente da Câmara não esclarecer quem visualizou e quem irá visualizar as imagens. Pelo que temos visto, quando há outras hipóteses de emprego, corremos o risco de ser alguém da família.
É preciso estar atento e não permitir mais uma machadada na nossa liberdade." (PSD Montalegre)

Comments:
É uma tristesa que o nosso presidente da Camara de Montalegre não saiba gastar o dinheiro e acaba por cometer loucuras como esta em cima citada! Li num jornal nacional uma outra loucura que me faz rir como o nosso dinheiro pode ser gasto com palhaçadas de todo tamanho!
"Spot oficial do concelho
Montalegre

Haka institucionalizada para promover o Barroso

Inspirados na dança que antecede os jogos da selecção de râguebi da Nova Zelândia, um grupo de amigos de Montalegre decidiu criar uma representação semelhante para o Barroso.

Copiaram a coreografia, adaptaram a letra, gravaram tudo e puseram o vídeo no sítio da net da TV Barroso. Resultado poucos dias depois, o vídeo da Haka Barrosã já circulava de mail em mail e a letra de boca em boca. Hoje, só no YouTube, o vídeo já foi visto por mais de 50 mil pessoas.

E, em breve, deverá tornar-se em spot oficial do concelho. Os jovens de vinte e poucos anos, os Chouribebes do Barroso, como se auto-intitulam, ganharam fama local. E não só. No dia 25 de Abril têm marcada a primeira estreia fora de Montalegre. Vão animar um jantar de estudantes em Miranda do Douro, com a representação ao vivo da Haka.

E o que é, afinal, a Haka Barrosã? Um vídeo caseiro com menos de um minuto, que põe frente a frente a equipa neozelandesa de râguebi e seis barrosões, que não se deixam intimidar pela dança guerreira dos adversários. E porquê tanta confiança? Porque são de Montalegre e nesta terra não falta nada.

Ou quase nada. «Há bruxedo, há batata, há centeio, há chegas de bois, há cabrito, há vitela, há fumeiro, há castelo, há Larouco, há presunto, há chouriça e há vinhaça....». A letra da Haka surgiu «de repente».
«Tentamos resumir o que temos. E é bastante!», explica Luís Pereira, que, por ser o autor da letra, ganhou a alcunha de Tony Carretas. Marco Sousa, ou doutor palestra, uma espécie de relações públicas do grupo, acrescenta em relação ao conteúdo «é um regresso ao mais básico, ao mais tradicional e que é o que, afinal, Montalegre pode proporcionar. Não íamos fazer aqui publicidade ao Macdonalds«.

Para ensaios antes da gravação também não houve grande tempo. «Ensaiamos apenas uma hora antes. Tivemos de repetir para aí 10 ou 15 vezes o «Sketch», contam. Resultado como no final da dança caem, e a relva do campo de futebol onde gravaram estava molhada, ficaram todos molhados. Mas ninguém se constipou.

Em breve, em Abril, ao que tudo indica, os jovens deverão repetir a gravação. Mas, desta vez, com recurso a um operador de câmara profissional. A primeira filmagem e a montagem foi feita por pessoal da TV Barroso. O guarda-fatos improvisado da primeira gravação também será substituído. Os novos fatos de «barrosões» já estão quase costurados. Os custos da nova produção serão patrocinados pela Câmara Municipal que irá institucionalizar a «brincadeira», tornando-a numa espécie de cartaz de apresentação do concelho de Montalegre em determinados eventos culturais, como as sextas-feita treze ou a Feira do Fumeiro. «A ideia é excepcional e é de aproveitar, agora tem apenas que ser trabalhada, embora com cuidado para não se desvirtuar o original», justificou o presidente da Câmara de Montalegre, Fernando Rodrigues. Não está tudo. Falta ainda apresentar as restantes personagens da Haka. "
Este senhor deve estara elouquecer essa brincadeira não passa de uma emitação d euma canalhada de malta de Montalegre qualquer video no youtube e visto por milhares de pessoas e nada e credivel porque atraves d eprogramas ou grupos de pessoas visualisando varia svezes atraves de varios truques ja e considerado visto por varias pessoas por isso nem acredito como o presidente possa financiar uma palhaçda deste tamanho deveria finaciar sim um grupo de jovens que façam teatro aamador pegando em Lendas como a da Misarela para ocuparem o Espaço que esta as moscas o tal chamado Auditorio Municipal outro desperdicio de dinheiro que não esta ser aproveitado as condições deste espaço deveriam ser aproveitadas para iniciativas de cração de teatros amadores etc...
Programas como O CentroBarrosão tambem deveriam ser mais apoiados que é um programa de emigrantes ai se ve a oportunidade de se criar laços com emigrantes e migrantes barrosões espalhados por todo planeta,mas apenas promovem programas como homens do jogoe mulheres do jogo que são outra palhaçada para falarem de futebol ja basta os de Lisboa terem programas a pontapes nas tvs e Ràdios não sigam os maus exemplos ja se viu artigos em alguns jornais sobre varios programas da RM mas sobre um dos programas que nossos emigrantes gostam de ouvir e nossos velhotes das Aldeias ninguem se deu ao trabalho de escrever claro aparece no noticias de barroso as vezes um artigo sobre os homens do jogo somente porque o Sr Carvalho de Moura faz parte da equipa?Vamos deichar de puxar a brasa a nossa sardinha e de uma vez por todas pensarmos mais na nossa Região que esta morrendo cada vez mais!
Saudações Barrosãs
A.A.
 
hahahah camaras nas rotundas para nao roubarem bandeiras?hahaha.
Pessoal, ou muito me engano ou essas camaras sao para controlar os agitações nocturnas, parece que não mas a vila é muito agitada e tem de se controlar quem entra e quem sai na vila. É que ás vezes podem vir os carabineiros prender o pessoal e com as camaras o pessoal já é avisado. São as novas tecnologias é a vida. Mas que explicação deu o presidente alguem me pode dizer? Caralho a oposiçao precisa de gente com ideias, bananas como o Santana Lopes é escusado. E quanto ao haka barrosão e propraganda com inteligência de adolescente que resulta nos jovens, mas axo que o barroso precisa é de visitas de gente com saber, gente essa que nao acha piada ao bruxedo.
 
Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação



<< Home

This page is powered by Blogger. Isn't yours?


Locations of visitors to this page Ponte Misarela